Repense sobre as crises no relacionamento

Personalidades, São Paulo, Saúde

Terapeuta dá dicas de como encontrar harmonia na relação amorosa.

É fácil compreender que as pessoas são diferentes umas das outras. E dentro de um relacionamento não seria diferente. São gostos, hobbies, formas de amar e demonstrar amor completamente únicas e pessoais. Mas sabendo disso, por que ainda sofremos muito com o amor?

É comum encontrarmos pessoas insatisfeitas com os seus relacionamentos. A harmonia na relação nem sempre é alcançada e isso não significa, necessariamente, falta de amor. Mas sim, parte das construções internas diferentes, ou seja, crenças e padrões de comportamento que cada um constrói segundo a sua própria história de vida.

Para o terapeuta e pesquisador, João Gonsalves, “Há diversos fatores que afetam o relacionamento. A noção própria de merecimento, a conjuntura familiar, a harmonia interior ou falta dela, são exemplos disso.”

O grande elemento que interfere diretamente nas situações de insatisfação com relacionamentos é a auto reprovação. João Gonsalves explica esse termo: “Muitas vezes criamos situações de sofrimento como forma de punição. Há necessidade de eliminar as coisas do passado e se aceitar. O processo de aceitação como individuo, promove situações de felicidade”, explica. O ditado popular que ressalta a necessidade de se amar e se conhecer para depois ser amado, nunca fez tanto sentido.

Outro ponto importante é a diferenciação de amor e desejo. O desejo provoca uma sensação de posse, podendo gerar uma obsessão pela pessoa. Já o amor é acompanhado da auto aprovação, quando a pessoa se sente merecedora daquele amor.

João Gonsalves busca disseminar o autoconhecimento, proporcionando às pessoas um caminho para uma vida mais harmônica e satisfatória, através da Autosofia, método criado por ele. Aqui seguem aspectos importantes para gerarmos mais harmonia no relacionamento e diminuir o sofrimento, segundo o autor:

01) Se aprove. Quando entendemos que somos merecedores de amor, as coisas mudam entre o casal.

02) Conheça seus sentimentos. Você, mais do que ninguém, deve se conhecer e saber o que é bom ou não para você.

03) Se ame! Amar a si mesmo é passo importante na construção do amor ao próximo, o que pode inclusive, evitar muitos sofrimentos.

04) Escolha. Nem todas as pessoas estão prontas para um amor, podemos escolher quem mais nos faz feliz.

Serviço: João Gonsalves

Assessoria em autoconhecimento

Terapeuta de autoconhecimento

Fone: 011 – 98203-1315

Email joaodedeusjd@uol.com.br

Fanpage: João Gonsalves

Site: www.joaogonsalves.com.br

Endereço: Estrada Manoel Lages do Chão 1335 – Cotia – São Paulo.

Deixe uma resposta