Enquanto Ela Dormia está em cartaz no Centro Cultural Fiesp

Entretenimento, Evento, São Paulo

Espetáculo evidencia os dramas do abuso feminino e do despotismo da sociedade em relação ao gênero. A peça fica em cartaz no Mezanino do Centro Cultural Fiesp de 2 de agosto a 22 de outubro, com entrada gratuita

São Paulo, julho de 2017 – Estreia dia 2 de agosto de 2017, no Mezanino do Centro Cultural FIESP, o espetáculo Enquanto Ela Dormia, com direção de Eliana Monteiro e dramaturgia de Carol Pitzer. Em cena, a atriz Lucienne Guedes dá vida à personagem Dora. A ficha técnica ainda tem Guilherme Bonfanti no desenho da luz, Marisa Bentivegna na cenografia, Marichilene Artisevskis no figurino, Erico Theobaldo na trilha sonora, Antônio Duran no dramaturgismo e Bruna Lessa no vídeo. A montagem inédita fica em cartaz até o dia 22 de outubro, com entrada gratuita. O texto foi escrito por Carol Pitzer em 2016, no Núcleo de Dramaturgia SESI-British Council.

O enredo conta a trajetória de Dora, uma professora de literatura, que presencia uma cena de abuso em um ônibus, fato que desperta memórias submersas de sua infância. O argumento do texto nasceu do relato de uma amiga à dramaturga, que começou então a observar os abusos diários vividos pelas mulheres e a se questionar sobre os mecanismos usados para minimizar, esconder, disfarçar, apagar essas violências. “Percebi que não só a sociedade nos cala, mas que nosso próprio corpo apaga certas lembranças dolorosas como forma de nos manter vivas”, conta Carol.

Para elaborar a encenação, a diretora Eliana Monteiro propôs uma pesquisa artística a toda equipe de criação sobre três eixos temáticos. “O primeiro foi o dos contos de fadas, que participam da construção do imaginário universal do feminino. Outro eixo pesquisado foram as histórias de amputações as quais a mulher foi submetida para caber em uma sociedade patriarcal. E por último, as memórias de uma história de amor”, explica Eliana.

Fruto de um processo colaborativo, a peça Enquanto Ela Dormia apresenta uma investigação no campo das artes plásticas e da fotografia, em especial a obra da fotógrafa norte-americana Francesca Woodman.

 

Você já teve a sensação de que a sua memória não é sua? Ou que pode até ser sua / mas não reproduz exatamente o que aconteceu / tem alguma coisa errada / você não sabe o que é mas tem alguma coisa errada / você repassa tudo em detalhes / e de uma hora pra outra parece que tem algo fora do lugar / como se tivessem arrancado algumas páginas de um livro / ou colado umas figuras por cima.

 

 

Sinopse

Enquanto Ela Dormia conta a história de Dora, personagem submetida a convenções sociais predominantemente formuladas pelo gênero masculino. Quando motivada por acontecimentos cotidianos, Dora traz à tona seus próprios traumas, frutos de uma sociedade patriarcal enraizada.

Com uma temática emergente e atual, o espetáculo aproxima o público do universo feminino ao demonstrar os abusos, violências e a constante marginalização social do gênero. O enredo desenvolve uma atmosfera dramática, que demonstra e reflete sobre questões da subjetividade da mulher.

 

Direção Eliana Monteiro

Eliana Monteiro é encenadora e orientadora artístico-pedagógica de escolas e grupos de teatro. Integra o grupo Teatro da Vertigem desde 1998, tendo sido responsável pela direção e concepção do espetáculo O Filho, da intervenção pública A Última Palavra é a Penúltima e dos espetáculos Kastelo eMauísmo; co-direção do espetáculo Bom Retiro 958 metros; direção de cena e assistência de direção dos espetáculos O Paraíso PerdidoO Livro de JóApocalipse 1,11BR-3História de Amor – Últimos Capítulos, e as óperas Dido e Enéas e Orfeo e Euridice. Atualmente dirige a montagemEnquanto Ela Dormia, com estreia prevista para agosto de 2017 no SESI-SP.

 

Dramaturgia Carol Pitzer

Carol Pitzer é formada em cinema e pós-graduada em artes cênicas pela Universidade Estácio de Sá. Entre janeiro de 2014 e julho de 2015 fez parte da Residência do Grupo Teatro da Laje e Coletivo Bonobando e foi arte-educadora na ONG ECOA – Teatro Social de janeiro de 2012 a julho de 2015. Nesse mesmo período, atuou em diversos espetáculos na cidade do Rio de Janeiro. Mudou-se para São Paulo em agosto de 2015 para aprofundar os estudos em dramaturgia. Carol Pitzer foi aluna do Núcleo de Dramaturgia SESI-British Council em 2016, quando escreveu o texto de Enquanto Ela Dormia.

 

Atriz Lucienne Guedes

Lucienne Guedes é atriz, dramaturga e diretora. Teve formação em teatro pela ECA-USP, além de formação em dança e música. É atriz fundadora do Teatro da Vertigem (atuou como atriz em Paraíso Perdido -1992 e 2002), como dramaturgista em Apocalipse 1,11 (2000) e como atriz em A Última Palavra é a Penúltima 2.0 (2014). Foi coordenadora e professora da Escola Livre de Teatro, professora convidada do Departamento de Artes Cênicas ECA-USP, da SP Escola de Teatro e da UNESP. É doutora em Artes pela ECA-USP, sob orientação de Silvia Fernandes. Foi também artista colaboradora da Cia. Balagan, da Cia. Livre, do Teatro de Narradores e do Núcleo Bartolomeu de Depoimentos. Seus trabalhos mais recentes foramAngústia (dramaturgia e direção, na EAD, em 2014) Memórias Impressas (atriz, 2015, com dramaturgia e direção de Claudia Schapira), entre outros. Em 2016 escreveu a peça A Ponte para o projeto Conexões  e realizou residência artística na Itália, pela The Bogliasco Foundation para escrever uma nova peça.

 

Ficha Técnica

Concepção e Direção: Eliana Monteiro

Texto: Carol Pitzer

Atriz: Lucienne Guedes

Dramaturgismo: Antonio Duran

Desenho de Luz: Guilherme Bonfanti

Cenografia: Marisa Bentivegna

Figurino: Marichilene Artisevskis

Trilha sonora: Erico Theobaldo

Vídeo: Bruna Lessa

Voz off: Antônio Duran e Cibele Bissoli

Assistente de Direção e Direção de Cena: Isabella Neves

Assistente de Dramaturgismo: Bruna Menezes

Assistente de Iluminação: Aldrey Hibbeln e Danielle Meireles

Assistente de Cenografia: Amanda Vieira

Cenotécnicos: Cesar Rezende Santana (Basquiat), Fernando Lemos Silva, Ricardo Oliveira e Zito Lemos

Costureira: Judite Gerônimo de Lima

Operação de Luz: Aldrey Hibbeln

Operação de Som: Tomé de Souza

Video Mapping: Michelle Bezerra

Produção Executiva: Andrea Pedro

Assistente de Produção: Leonardo Monteiro

Assessoria de Imprensa: Márcia Marques – Canal Aberto

Designer Gráfico: Luciana Facchini

Fotos: Mayra Azzi

Supervisão Geral: Eliana Monteiro

Realização: SESI-SP

 

SERVIÇO

Enquanto Ela Dormia

Temporada: 2 de agosto a 22 de outubro de 2017

Horários: quarta a sábado, às 20h30, e domingo, às 19h30

Local: Mezanino do Centro Cultural Fiesp (Avenida Paulista, 1313 – em frente à estação Trianon-Masp do Metrô)

Capacidade: 50 lugares

Duração: 70 min

Recomendação: 16 anos

GRÁTIS.  Reservas antecipadas de ingressos pelo site www.centroculturalfiesp.com.br. Ingressos remanescentes serão distribuídos no dia do espetáculo, de acordo com o horário de funcionamento da bilheteria (quarta a sábado, das 13h às 20h; domingo, das 11h às 19h30).

Mais informações: www.centroculturalfiesp.com.br

Responsável: Márcia Marques

Contato: marcia@canalaberto.com.br